Associados Fundadores

A Associação Latinoamericana de Harpa foi fundada por cinco jovens harpistas da Argentina, Brasil, Colômbia, Cuba e México, representando as diferentes regiões do continente. Esses cinco membros fundadores formam a primeira Assembléia de Sócios, órgão supremo da Associação e sua função é administrar as operações diárias e a direção artística da Associação.

Anabel Gutiérrez Orraca

Harpista, pesquisador e produtora nascida em Havana, Cuba. É mestre em Performance Musical pela McGill University Schulich School of Music e bacharel em Performance Musical pela Indiana University Jacobs School of Music. Atualmente é doutoranda na Universidade McGill em Montreal, Canadá. Seu principal objetivo é desenvolver a harpa em seu país e divulgar a música composta para harpa por compositores cubanos.

Emmanuel Padilla Holguín

Recebeu o primeiro lugar na Dutch Harp Competition 2016 nos Países Baixos e no IV Concurso Internacional de Arpa de México. Cursou licenciatura pela Jacobs School of Music da Universidade de Indiana, e também o mestrado e o título de diploma artístico pela Academia Norueguesa de Música. É o primeiro harpista do grupo de Concertistas de Bellas Artes do México. www.epharp.com

Cecília Pacheco

Arpista, educadora y empresaria nacida en Belo Horizonte, Brasil. Tiene Bachelor por UFMG (Brasil) y Master por Musikhochschule Lübeck (Alemania). Es la arpista principal de la Orquesta Sinfónica de Minas Gerais. Su principal meta es ayudar a los arpistas y desarrollar una comunidad más unida y de colaboración. https://www.meninadaharpa.com/

Alina Traine

Recebeu o título de Licenciatura pela Universidad Nacional de Artes (Argentina), Conservatório de Rueil Malmaison ( França) e o título de Advanced Master pela Musik Akademie Basel (Suíça). É Solista Adjunta da Orquestra Filarmônica de Buenos Aires e realiza uma intensa atividade como solista e camerista.

Juan Sebastián Blanco

Harpista concertista, solista, educador e freelancer nascido em Bogotá, Colômbia. Depois de ganhar prêmios e competições na Europa e na América, ele completou seus estudos de pós-graduação no Conservatório de Amsterdã. Um de seus sonhos é contribuir com a educação e a criação de um mundo com menos obstáculos para o desenvolvimento das novas gerações de harpistas.